Carta aos Ciumentos

Ciúmes não é amor. Ciúmes está ligado ao sentimento errôneo de propriedade do objeto do nosso amor, o que verdadeiramente não existe.  Desde a infância tudo de que gostamos “tem” que ser nosso, é humano, normal até, mas isso tem que ser controlado.

No caso especifico dos homens e, como homem, é desta ótica que falo, a competição e necessidade de ser aceito colocam pressão e dúvidas na nossa cabeça. Isso é tanto maior quanto mais o sujeito for do tipo “mulherengo”. O fato é que a base de qualquer julgamento nosso somos nós mesmos, aí é que mora o perigo.

Ora, já que o cara não para de atentar as mulheres ao seu redor e, “claro”, seus competidores também não. É mais ou menos lógico pensar, nesta linha, que sua companheira está agora mesmo, neste momento, levando uma cantada, correto?

Correto! Está.

Só que mulher não é homem. (Graças a Deus!) Mulher lida com o assédio normal dos homens desde que se entende por gente. Fez sombra, pronto, levou uma cantada! Portanto, elas são mestres em lidar e tirar de letra qualquer cantada.

A gente canta, mas é a mulher que decide quem vai para o trono! Se ela escolheu você, mereça ou não, o trono é seu. Relaxa e goza, acredite e confie em sua companheira. A retribuição disto é muito boa. O contrario disto, o ciúmes, é um convite a traição. Mulheres honestas não traem, então, elas mandam a gente embora.

Ah, mas nem toda mulher é honesta, alguém pode retrucar. Verdade, desta fulana poucos homens tem ciúmes… ela é ardilosa. Ela sabe dar ao seu homem a impressão de segurança que ele precisa para ficar tranquilo. Ela também fica, fica tranquila com todo mundo.

Parece um paradoxo, mas não é. A mulher honesta quer ir e vir, quer estar e ser. Ela quer fazer tudo isso aí na sua frente, com seu consentimento, aplausos, ela não tem nada para esconder. Lembre-se, você está no trono, ela colocou você lá.  Agora, não mate, ou castre, ou reprima quem fez você rei.  

[Nota: As mulheres honestas também têm coisas a não nos falar (esconder), sim, por causa da nossa pequenez. Não suportaríamos saber tudo o que elas passam, e ouvem, e têm que se desviar de, etc. Obrigado meninas!]    

Quando ela decidir que você não é mais o rei, você será o primeiro a saber. E tem mais, ela coloca e ela tira, é direito dela, o trono é dela. Suas chances de ficar nele são tanto maiores quanto o respeito e a segurança que você conseguir passar para ela – mas lembre-se, não há garantias.

Seja um bom companheiro, é o que dá para fazer.

Dsc_0055
E se ela/e foi embora, de uma forma ou de outra isso é bom para você. Uma nova porta se abre, vá curtir a vida, logo começa outra aventura!  🙂
Advertisements

Disfunção Erétil é um sinal

Quando falamos em Disfunção Erétil (D.E.) a pricipal preocupação de homens e mulheres é relacionada a questão do sexo. Natural, é a mais obvia… Mas mais importante que a questão do sexo é o que a D.E. pode indicar: problemas de circulação, hipertensão, coração, colesterol alto, diabetes, etc.!

Ironicamente o problema do sexo é o menor de todos e o mais fácil de ser resolvido. É simples, não precisa ser médico para entender. O pênis funciona com sangue, correto? Se a circulação sanguinea estiver normal ele funciona, do contrario não, ou não tão bem quanto desejamos.

No video abaixo (legendado) o Dr. Steven Lamm, autor do livro “The Hardness Factor”, fala sobre isso em um programa na rede Norte Americana ABC durante o segmento intitulado “10 coisas que os homens não sabem sobre seu pênis”.

Abaixo praticamente um resumo em português do Livro Hardness Factor do Dr Steven Lamm  (leia também sobre alternar)

fonte – Revista Saúde n° 262, ano 2005
Para melhorar seu desempenho sexual (sua circulação) faça 5 coisas: 
  1. afaste-se dos alimentos gordurosos, 
  2. perca peso, 
  3. faça exercícios, 
  4. tome chá verde 
  5. caminhe mais de 10 mil passos por dia. 

Essas recomendações fazem parte de um programa criado pelo clinico Steven Lamm do badalado Centro Medico da Universidade de Nova York. Conhecido por estrelar um show de televisão na rede ABC e por ter celebridades como o guitarrista Eric Clapton e o cantor Rod Stewart entre seus pacientes, Lamm lançou em 2005 o livro, The Hardness Factor (que pode ser traduzido como “O Fator Dureza”). A obra ganhou resenhas elogiosas em revistas semanais americanas ao indicar saídas para homens preocupados com problemas de ereção. 

Apesar de ter participado de testes clínicos do Levitra e ter feito pesquisas sobre o impacto do celebre Viagra na qualidade de vida, Lamm preferiu escrever sobre o que se deve fazer para evitar a dependência dessas pílulas coloridas. “A principal mensagem do livro é que se o homem quer ser sexy precisa antes ser saudável”, disse o medico americano a revista SAÚDE. “E o pênis é o melhor termômetro para ver se isso é o que esta acontecendo ou não”. 

A lista de coisas a fazer para garantir alto-astral masculino é longa. Vai de exercícios de ioga a suplementos alimentares como os de vitamina C, ômega-3 e aminoácidos. Para facilitar, Lamm condensou essas atitudes no que chamou de Plano de Seis Semanas repleto de dicas fáceis de serem memorizadas e seguidas. Aqui vai urna seleção delas: 

Evite alimentos gordurosos

Gema do ovo, manteiga e carnes vermelhas gordurosas devem ser reduzidas. Segundo Lamm, “as gorduras danificam os vasos, impedindo que eles reajam adequadamente aos estímulos sexuais transmitidos do cérebro para o pênis”. Mais: os nervos penianos perdem a sua sensibilidade com o acumulo de colesterol. 

Coma menos 

Tente ingerir 10% menos do que esta habituado a comer nas refeições. “Isso e importante porque o total calorias no seu intestino afeta o total de testosterona disponível para você. Quanto mais calorias, menos testosterona”, garante Lamm em seu livro.

Tome decisões certas no jantar

“Encare essa refeição como um treino: você esta se preparando para atuar mais tarde. As escolhas certas não irão sobrecarregar o aparelho digestivo. E o sangue ira para onde realmente precisa ir”, escreveu o autor. Evite coquetéis antes de ir a mesa e passe longe de comidas com excesso de sal. Prefira azeite ou vinagre no lugar dos molhos de salada e tire toda a gordura visível da carne.

Faça ginástica 

De acordo com Lamm, esse e o melhor caminho para melhorar a resistência do pênis. “O exercício também desperta o apetite sexual e fortalece a auto-estima, afetando positivamente ondas cerebrais que fazem você se sentir energizado”, escreveu o autor. A prática libera ainda substâncias que previnem a fadiga durante o sexo e aumenta os níveis do hormônio testosterona, fortalecedor da libido. Não podem faltar no programa atividade abdominais e exercícios com peso para ombros, peito, nádegas e pernas, que são convocados durante a relação sexual.

Caminhe 10 mil passos por dia 

Para fazer seu coração bombear melhor o sangue, trate de aumentar em 5 mil passos a sua caminhada diária – um pedômetro, aparelho que contabiliza passadas, pode ajudar. O ideal, segundo pesquisas recentes, e dar 10 mil passos por dia para melhorar o condicionamento físico e baixar 0 peso. E, quando o ponteiro da balança vai para baixo, as ereções vão, ao pé da letra, para cima, permanecendo lá no alto por muito mais tempo.