Show em Sampa

Júlia Tygel apresenta Novos Enredos,  novo concerto do projeto 

Entremeados: música popular brasileira para piano e violoncelo

28 de junho na Biblioteca Mário de Andrade (São Paulo)

ju       “O que a jovem compositora Júlia Tygel está fazendo é algo que tem conexão com uma tradição erudita muito forte, assinada embaixo por compositores da importância de um Liszt.”
(maestro João Maurício Galindo – Orquestra Jazz Sinfônica)

 ASSISTA AQUI AO TEASER E A 3 NOVAS MÚSICAS DO PROJETO AO VIVO

  A pianista Júlia Tygel estreia em junho o concerto Novos Enredos, uma continuidade do projeto Entremeados, com arranjos inéditos para piano e violoncelo de músicas de Milton Nascimento, Dori Caymmi e outros compositores brasileiros. No limiar entre a música erudita e a popular, a apresentação tem participação das violoncelistas Vana Bock (OSUSP) e Adriana Holtz (OSESP).

O concerto acontecerá no auditório da Biblioteca Mário de Andrade, em São Paulo, na série instrumental com curadoria de Swami Jr., no dia 28 de junho (terça-feira) às 20h, com entrada franca.

Júlia Tygel é pianista e compositora. É doutora em música pela USP, tendo realizado parte do programa na City University of New York como bolsista CAPES-Fulbright, além de bacharel e mestre em música pela UNICAMP.

– Entrevista com Julia Tygel

Vídeos de shows passados: 

·      Brasil

·      Nova York

SERVIÇO:

Quando: 28 de junho, terça-feira
Show: “Entremeados: Novos Enredos”
Onde: Auditório da Biblioteca Mário de Andrade, São Paulo/SP
Endereço: Rua da Consolação, 94 – Centro
Horário: 20h
Duração do show: 1h15

Ingressos gratuitos, começam a ser distribuídos 1h antes do concerto.

Para mais detalhes acesse este link

To Mexico with your help

Em Português

Benfeitoria

From the shores of Sao Paulo state four athletes are mobilized to achieve their dream of going to the World Triathlon (ITU) in Mexico next September. Fader Müller, Jefferson Oliveira, Luiz Felipe and Nicholas Cruz are qualified (double qualified) to participate as amateurs and represent Brazil in the event.

image
image

Without resources to do so (this is already the fourth time they qualify) they decided to seek collective financing (crowdfunding) via Benfeitoria. Benfeitoria is an innovative platform that has helped artists, researchers, social activists and now innovates once again supporting a sports initiative.

Well, these athletes are offsprings of Pro-Talentos a NGO.  So it does have a social side to it all as well. After all, this whole experience will be passed on to other athletes of the institution. The four mentioned here are Paulista Triathlon champions, Brazilian and Pan American also. Actually, for this very reason they are qualified for the World Cup.

Now the target is to mobilize as many people as possible to make the project viable. You who read us can support collaborating, disseminating and monitoring the progress of this story. What is undoubtedly very interesting and learning for all.

At Benfeitoria is all or nothing. Five targets have been programmed, the first of which will enable only two athletes to be sent, in the second target three and so on until the final target which is the whole team. But all or nothing means that if, for example, they do not reach the first target, which is 16,000.00 reais, all those who helped will receive their money back.

This entlitles the project with seriousness and great commitment. So, if they get ten thousand, for example, it failed… ten thousand will be back into the hands of Benefactors.

You may know Benfeitoria, the project “Towards the World Cup in Mexico” and also other projects at: https://www.benfeitoria.com/

Prof. Antonio Carlos Rix
Escola Internacional Nova Geração

BLOG
Youtube
Escola Internacional

Sonho de Atleta

in English

Crowdfunding Inovador – Benfeitoria

Atletas da Baixada Paulista mobilizados para realizar o sonho de ir ao Mundial de Triatlo (ITU) no México no próximo mês de Setembro. Fader Müller, Jeferson Oliveira, Luiz Felipe e Nicholas Cruz estão duplamente qualificados para participar como amadores e levar o nome do Brasil mais alto no evento.

Sem recursos para tal (está já é a quarta vez que se qualificam) resolveram buscar uma saída no financiamento coletivo (crowdfunding), via Benfeitoria, uma plataforma inovadora que tem ajudado artistas, pesquisadores, ativistas sociais e agora inova uma vez mais a0 apoiar uma iniciativa esportiva.

Se bem que como estes atletas são fruto do trabalho da ONG Pró-Talentos, a ação tem um lado social também. Afinal, toda esta experiência será repassada para outros atletas da instituição. Os quatro aqui citados são campeões Paulista, Brasileiro e Pan-americano na modalidade de Triatlo.  Por isto estão qualificados para o Mundial.

Agora o alvo é mobilizar o maior número de pessoas possível para viabilizar o projeto. Você que nos lê pode apoiar colaborando, divulgando e acompanhando o desenrolar desta história. Que será, sem dúvida, de muito sucesso e aprendizado para todos.

No Benfeitoria é tudo ou nada. Cinco alvos foram programados, no primeiro deles apenas dois atletas serão enviados, no segundo três e assim sucessivamente até o alvo final que é levar a equipe completa. Mas tudo ou nada significa que se, por exemplo, não alcançarem o primeiro alvo, que é de 16.000,00, todos os que colaboraram receberão seu dinheiro de volta.

Isto tras para o projeto uma seriedade e compromisso muito grande. Ou seja, se arrecadarem dez mil, por exemplo, não dá para ir… os dez mil voltam para as mãos dos Benfeitores.

Você pode conhecer e apoiar Benfeitoria, o Projeto “Rumo ao Mundial no México” e outros mais em: https://www.benfeitoria.com/

Uma página foi criada para compartilhar tudo que rolar no México, fé eles tem. 🙂

Participe: https://www.benfeitoria.com/rumoaomexico

Prof. Antonio Carlos Rix
Escola Internacional Nova Geração

BLOG
Youtube
H2OBRASIL
Escola Internacional

Benfeitoria realiza sonhos

MUITA BENFEITORIA!

70 mil benfeitores deram vida a 700 projetos,
somando R$ 11 milhões investidos.

Você tem um projeto e não tem fundos para realizá-lo, não desanime, acredite no seu sonho, Benfeitoria é para você!

Veja esta novidade!

O pessoal da Benfeitoria não sossega! Estão sempre em busca de parceiros para turbinar projetos de crowdfunding. E chegou a hora de anunciarem mais uma chamada criativa: estão convocando projetos de ciclomobilidade até o dia 26/06!

bikebenfeitoriaO parceiro que dá força a esse novo canal é o Itaú – que vai garantir a 1ª colaboração dos projetos selecionados, no valor de 20% da meta mínima de cada um! Isso representa um apoio de até R$10.000 para o seu projeto.

E para ficar ainda melhor, tem do lado deles o ITDP Brasil colaborando durante toda a etapa de curadoria dos projetos. 😉

Ou seja, se você tem (ou conhece alguém que tenha) um projeto que promova a mobilidade urbana através da bicicleta e precisa de um empurrãozinho, acesse o link www.benfeitoria.com/primeiropasso, inscreva-se e compartilhe com os amigos.

Essa convocação é para projetos que:

As inscrições vão até o dia 26/06, então conte essa novidade para a galera do pedal, prepare sua bike e vem sentir um vento no cabelo! www.benfeitoria.com/primeiropasso.

 

Ciclovias Maravilhosas

Foi inaugurada no Rio de Janeiro (17/01) a ciclovia da avenida Niemeyer, conectando os bairros do Leblon e São Conrado, na zona sul carioca. Com 3,9 km de extensão e praticamente toda a estrutura suspensa à beira-mar, a ciclovia foi batizada oficialmente de Ciclovia Tim Maia, em homenagem ao músico que cantava “Do Leme ao Pontal, não há nada igual” em referência às praias da zona sul e zona oeste da cidade. A via já vinha sendo usada meses antes da inauguração, mesmo incompleta.

“Estamos trabalhando para alcançar a meta de 450 km de estrutura cicloviária ainda este ano” – Altamirando Moraes, Subsecretário de Meio Ambiente. A pedalada inaugural contou com a presença do prefeito Eduardo Paes…

Leia mais http://vadebike.org

– Esta notícia é muito boa!

Mas quem é aqui de São Paulo tem uma ciclovia panorâmica natural de mais de +/- 30 km pronta para utilizar.
Você sabia disto?

Linda, plana, perfeita e, na temporada, bem segura.

Da Península, na praia da Enseada, no Guarujá, até Praia Grande, passando por Santos e São Vicente, podemos fazer um passeio a beira mar maravilho. Leia mais: Vem Pedalar na Baixada Paulista!

Aparecida, Carlos e Renata
Aparecida, Carlos e Renata, ida e volta, um passeio de 57 km.

Vem Pedalar na Baixada!

Durante a temporada – no Guarujá, Santos e São Vicente – o número de policiais espalhados pelas prais é enorme. Isso traz segurança para curtirmos um passeio de bicicleta muito gostoso.

Tudo plano, 90% dele via ciclovias. Você pode sair do Guarujá e ir até São Vicente ou Praia Grande, passando por Santos e retornar sem maiores problemas. Uma delícia. A ponte pênsil foi reinaugurada!

Se seu passeio começar, por exemplo, na Península da Enseada, no Guarujá, você vai pedalar os primeiros 8/9 kms vendo a praia da Enseada, depois pode cruzar o centro pela Av. Leomil, passar pelo Sobre as Ondas no final da Pitangueiras. Neste ponto vai ter uma bela vista da praia das Astúrias e de lá segue para a balsa pela Av. dos Caiçaras, para cruzar para Santos. (bicicletas e ciclistas não pagam para atravessar)

pedalgjasv
Você cruzou a balsa, então está na Ponta da Praia e seguindo pela ciclovia vai até o final no Emissário, que é a divisa com São Vicente. A passagem por Santos é uma beleza, 100% via ciclovia, com muitos jardins, quiosques para se alimentar e fazer um descanso, e claro, a praia sempre ali do lado.

Nesta parte do passeio você pode aproveitar e visitar o Aquario, o Orquidário, o próprio Emissário, subir o morro da Asa Delta, ou seguir em frente e ir em S. Vicente visitar a Ponte Pênsil e a Biquinha. Dá para fazer as quarto coisas.

Ida e volta vai render uns 40/50 km, vale mesmo a pena descer a Serra e experimentar. Dá para descer de ônibus.

 

wpid-dsc_1351.jpgUma sugestão, desça de ônibus com as bicicletas na mala. Do Jabaquara vá para o Guarujá e de lá vá até São Vicente e volte para Sampa de Santos. Vai dar uns 25/30 km e será um pedal, além de tudo, ecológico. 🙂

Pena que só dá para recomendar isso na a temporada. Fora dela só pedalamos em grupos, de preferencia grandes e olhe lá… Você pode pesquisar os grupos de ciclistas de Santos e região, tem vários, entre em contato, junte-se a um deles em pedais pelas cidades, para Bertioga, Mongaguá, pelos morros e praias, etc.

Pedale!
recomendo: https://carlosrix.wordpress.com/2015/06/10/bici/

À Flor da Pele

Exposição À Flor da Pele evidencia as diferentes representações do universo feminino

Mais de 150 imagens de fotógrafos que marcaram o modo de ver e registrar o universo feminino do Brasil nas últimas décadas estão reunidas na exposição À FLOR DA PELE, com curadoria de Bob Wolfenson, Helio Hara e Ricardo Feldman, que será inaugurada dia 21 de outubro (quarta-feira) e estará aberta ao público de 22 de outubro a 20 de novembro na PRAÇA DAS ARTES, em São Paulo. A mostra, centrada nas diferentes representações do universo feminino, está dividida em sete módulos, que agrupam referencias recorrentes nas imagens: DIVAS, FLAGRANTES (precursores dos paparazzi) FANTASIA, FETICHE, INTRAMUROS (fotos que remetem ao tema “família”), LIMITES, PROJETORES (homens que exaltaram pela arte o universo feminino).

Fotos de nomes como Gui Paganini, Murillo Meireles e André Vainer convivem com imagens que já se tornaram clássicos feitas por Luiz Carlos Barreto, Marisa Alvarez Lima, Antonio Guerreiro, Paulo Garcez, Bubby Costa, Sérgio Jorge e Zé Antonio Moraes. Na exposição, baseada no acervo da revista s/n°, editada por Wolfenson e Hara, e que este ano completa uma década, estão ainda trabalhos de Rochelle Costi, OsGemeos e Irmãos Campana.

This slideshow requires JavaScript.

Na mostra, estão retratos de Giselle Bündchen, Costanza Pascolato, Leticia Sabatella, Fernanda Young, Fernanda Montenegro, Leila Diniz, Fernanda Torres, Fernanda Lima, Camila Pitanga e Cynthia Howlett (as quatro últimas fotografadas durante a gravidez), estilistas históricos como Dener e Clodovil, além de divas como Marlene Dietrich e Marylin Monroe.

“O ponto de partida foi o modo avião. Metaforicamente, é o instante em que, desconectados temporariamente desse fluxo, podemos desfrutar do tempo do reset: instantes em que vivemos plenamente a imaginação e a fantasia. A pausa. A partir daí, levantamos a seguinte pergunta: como é representado o universo feminino quando há completa liberdade autoral?”, dizem os curadores.

Na sala LIMITE, por exemplo, o visitante se depara com 4 imagens da mesma mulher. Cada uma com uma sutil diferença, propositalmente feita na imagem. O ensaio de Wolfenson, convida as pessoas a pensarem nos limites na era em que cirurgias, técnicas e tecnologia permitem manipular o corpo e as formas, criando-se aquilo que cada um deseja ser. As fotos são um desafio para o espectador: qual das mulheres é a real, qual foi manipulada?

À FLOR DA PELE, revisita imagens reunidas pela publicação s/n°, autoral, e que por isso proporciona o reset. Imagens resgatadas de acervos de grandes fotógrafos muitas vezes pouco conhecidos pelo público contemporâneo e fotos criadas a partir de convites da revista compõem a exposição.

A expografia é dos autores do projeto arquitetônico da Praça das Artes – Marcelo Ferraz e Francisco Fanucci (Brasil Arquitetura), e pretende criar um diálogo franco entre a forte arquitetura do edifício do antigo Conservatório Dramático Musical e as fotografias de ‘À Flor da Pele”. Esse diálogo pode ser lido na delicada montagem de elementos; na sinuosidade das cortinas de voil, sugerindo penumbra e transparência, que ora revelam, ora aumentam as nuances do universo feminino, mote central da mostra.”

A exposição À FLOR DA PELE é patrocinada pela C&A, por meio da lei de incentivo estadual de cultura – PROAC.

Serviço

A Exposição À Flor da Pele
Curadoria Bob Wolfenson, Helio Hara e Ricardo Feldman
Abertura: 21 DE OUTUBRO DE 2015
Das 19h Às 22h30min
Em exibição de 22 de outubro a 20 de novembro de 2015
Visitação de segunda a sábado de 10h as 20h, domingos de 10h as 18h.
Entrada franca
Praça Das Artes – av. São João, 281- centro – São Paulo
Próximo às estações Anhangabaú e República do metrô
Sugerimos ir de táxi
http://theatromunicipal.org.br/espaco/praca-das-artes/

Ficha técnica da exposição

Realização: Livre e S/N
Curadoria: Bob Wolfenson, Helio Hara e Ricardo Feldman
Produção executiva: Patrícia K.D. Godoy
Concepção museográfica: Brasil Arquitetura_Francisco Fanucci e
Marcelo Ferraz

Sobre os curadores

Ricardo Feldman é sócio fundador da Livre, editora e produtora de conteúdo e cultura. Dirigiu diversos projetos culturais, entre eles a exposição Flávio de Carvalho Desveste a Moda da Cabeça aos Pés realizada no MUBE – SP e MAM- RJ; os livros Sapato de Mulher, um Passeio pelo Imaginário das Brasileiras; 30 anos de Moda no Brasil; Auditório Ibirapuera, o Projeto Esquecido de Oscar Niemeyer, entre outros. É publisher da Revista s/n e conselheiro do Theatro São Pedro, Orquestra Jazz Sinfônica e Banda Sinfônica de São Paulo.

Bob Wolfenson iniciou a carreira há 35 anos. Seu trabalho transita pela arte, pela publicidade e pela moda. Entre suas mostras individuais estão séries expostas no Museu de Arte Brasileira – FAAP, no Masp e no Centro Cultural Maria Antônia. Sua obra está presente nos livros Belvedere”, Encadernação Dourada – Antifachada”, “A Caminho do Mar”, “Cinépolis” e “Apreensões”. Suas fotos integram coleçõese como as do MASP, Itaú Cultural, Museu de Arte Brasileira-FAAP, MAM-SP. Em 2001 criou com o jornalista Helio Hara a revista de fotografia e arte s/n°, dando início a perfis que resgatam grandes fotógrafos brasileiros. Foi curador da mostra de Otto Stupakoff em São Paulo e da exposição “Olho de gato”, na Mostra SP de Fotografia, em homenagem a Bubby Costa.

Helio Hara é jornalista e, desde 2001, edita com Bob Wolfenson a revista de fotografia e arte s/n°. Desenvolveu conteúdos culturais para, entre outros, CCBB, Oi Futuro, TV Globo e Videobrasil/SESC-SP. Dirigiu a area de comunicação e marketing da Editora Cosac Naify. Foi curador da exposição “Olho de gato”, na Mostra SP de Fotografia, homenagem a Bubby Costa, e da mostra “O Japão daqui”, no Museu da Língua Portuguesa. Há mais de 10 anos trabalha no resgate de acervos de grandes fotógrafos pouco conhecidos pelas novas gerações. Entre eles, Otto Stupakoff (é dele um dos textos no livro sobre o fotógrafo editado pela Cosac Naify), Miguel Jorge, Marisa Alvarez Lima e Paulo Garcez.

PRAÇA DAS ARTES

A Praça das Artes é um complexo cultural no centro de São Paulo que promove apresentações musicais, exposições, peças teatrais, programações de cultura popular culturais, além de abrigar os corpos artísticos do Theatro Municipal de São Paulo e ser sede da Escola Municipal de Música, da Escola de Dança de São Paulo e da administração da Fundação Theatro Municipal. Seu espaço abriga também a Orquestra Experimental de Repertório, o Coral Paulistano e o Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo, que tem a Sala do Conservatório como sede. A Praça das Artes ocupa uma área de 29 mil m² e teve a primeira parte de seu projeto inaugurada em dezembro de 2012, é um ponto central da revitalização cultural do centro histórico de São Paulo e resultado de uma parceria entre a Secretaria da Cultura e a Brasil Arquitetura, de Francisco Fanucci e Marcelo Ferraz. Um dos pontos centrais do projeto foi o restauro do antigo prédio do Conservatório Dramático e Musical. Inaugurado em 1896 como uma loja de pianos, em 1899 tornou-se o luxuoso Hotel Joachim’s, para se transformar em 1909 na sede do Conservatório. Hoje, a antiga sede transformou-se em uma sala de concerto de câmara e uma sala de exposições. Além da temporada de apresentações e exposições, a Praça das Artes é parceira de eventos como a São Paulo Fashion Week, a Mostra Internacional de Cinema, e outros importantes eventos do calendário cultural de São Paulo. A Praça das Artes recebeu o Prêmio APCA de Melhor Obra de Arquitetura de 2012, o prêmio de Edifício do Ano de 2013 pelo Icon Awards, realizado pela Icon Magazine, e foi finalista dos ‘Projetos Impressionantes das Américas’, da Mies Crown Hall Americas 2014.

Fotos: http://theatromunicipal.org.br/espaco/praca-das-artes/#jp-carousel-646

Proponente Realizador do Projeto: Livre Conteúdo e Cultura / Editora Livre
contato
Rua Cristiano Viana, 650 São Paulo CEP 05411-001
Telefone 55 11 3038 3939
www.livreconteudo.com.br

Sobre a C&A

Líder do mercado de varejo de moda brasileiro, no qual está presente desde 1976, a C&A é uma multinacional de origem holandesa fundada em 1841 pelos irmãos Clemens e August, cujas iniciais deram origem ao nome da empresa. Atualmente a rede possui mais de 280 lojas no País, em 25 Estados e no Distrito Federal. De maneira inovadora, a C&A atua para oferecer produtos e informação de moda, por meio de um intenso processo de pesquisa e entendimento das suas clientes brasileiras. Um exemplo é a plataforma C&A Collections, que traz coleções exclusivas em parcerias com estilistas e grifes nacionais e internacionais.

A empresa é pioneira também em ações socioambientais, recentemente organizadas em torno de sua Plataforma de Sustentabilidade. É a única rede do País que publica seus indicadores de sustentabilidade segundo o padrão GRI, desde 2010; a primeira do varejo de moda a inaugurar uma Loja Eco, com operações planejadas para ecoeficiência e certificada com o selo Leed, do Conselho de Construção Sustentável dos EUA (USGBC). Além disso, por meio de uma empresa autônoma, a Organização de Serviço para Gestão de Auditorias de Conformidade (Socam), a rede tornou-se a primeira do setor a auditar a cadeia produtiva, monitorando padrões de negócios socialmente responsáveis. O compromisso com o desenvolvimento das condições de trabalho em seus fornecedores foi expresso publicamente em 2010, quando foi a primeira empresa a assinar o Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo.

Acompanhe a C&A:
Sala de Imprensa: www.cea.com.br/saladeimprensa
Site: www.cea.com.br