Augusto Cury – entrevista

Por Antonio Carlos Rix

Carlos Rix:
Qual é a maior dor? Onde dói mais a educação do Brasil hoje? O que mais precisa?

acury
Durante a Bett Brasil Educar 2015

Augusto Cury:
Eu sou publicado em mais de 70 países e para mim, não apenas a educação do Brasil, mas de toda civilização moderna, está doente, formando pessoas doentes para uma sociedade doente. Porque nós tomamos o caminho contraído errado, nós bombardeamos o córtex cerebral das crianças, adolescentes e universitários com milhões de dados sobre o mundo de fora, ensinando matemática, física, química e competências profissionais nas universidades mas não os ensinamos a conhecer o mais complexo de todos os planetas, o planeta chamado “mente humana”.

Nós temos que passar da era da informação para a era do “eu como gestor da mente humana” e para desenvolver o “eu como gestor da mente humana” é fundamental não apenas ensinar as funções cognitivas como raciocínio, memória, dedução, indução, síntese, pensamento lógico.

Precisamos desenvolver uma pauta para ensinar as funções não cognitivas, quais são: pensar antes de reagir, colocar-se no lugar do outro, trabalhar perdas e frustrações, resiliência, filtrar estímulos estressantes, proteger a emoção, gerenciar ansiedade entre inúmeras outras funções não cognitivas, pensar como humanidade.

Ninguém é digno da maturidade e da saúde emocional se apenas pensa como grupo social, religioso, intelectual e político. É necessário pensarmos como família humana, irmos além, tocar a essência. Não há diferenças nos bastidores da mente entre palestinos e judeus, entre hétero e homossexuais, entre celebridades e anônimos, entre intelectuais e iletrados.

Até porque – acabei de falar numa entrevista de um grande jornal televisivo – mesmo o mendigo que perambula pelas ruas e que tem delírios que o mundo conspira contra ele, ele é tão complexo na construção de pensamentos como Einstein que produziu a Teoria da Relatividade.

Quando nós estudamos o processo de construção de pensamento, que é a última fronteira da ciência, e com muita humildade tive o privilégio de desenvolver uma das poucas teorias mundiais, durante 30 anos, sobre a natureza dos pensamentos, os fenômenos inconscientes que os constroem em milésimos de segundos e os tipos de pensamentos e o “eu como gestor da mente humana” estou claro que a nossa espécie beira as raias da inviabilidade porque não desenvolveu as funções não cognitivas mais importantes para formarmos mentes livres com uma emoção saudável.

Por isso reitero e finalizo que para plateias de juízes, no Congresso Nacional, no Supremo Tribunal Federal, em países que eu tenho dado conferências, na Romênia, na Sérvia, na Bulgária, nos Estados Unidos, na Europa… nunca nas sociedades livres houve tantos escravos num único lugar que é inadmissível sermos prisioneiros dentro de si mesmo. A população carcerária do mundo no máximo é 1% na sociedade democrática mas, como digo nos meus livros Vendedor de Sonho, Código da Inteligência e Felicidade Roubada, a população carcerária no território da emoção, ela atinge 99%.

Então fisicamente 1% está preso em presídios, em masmorras e 99% livre mas, emocionalmente 99% estão presos, encarcerados na emoção e no máximo 1% livre. Por isso nós temos que mudar a educação da era da informação para a era do eu como líder do teatro da mente humana como gestor da emoção!

————

Parte de um artigo colaborativo com jornalistas de vários países em Inglês, a integra aqui.

Meus agradecimentos a Renata Lemos que gentilmente transcreveu o vídeo.

——

Veja em vídeo:

————————-

Tenha sua escola, faça a diferença:

franquia

Espanhóis de olho no Amazonas

Espanhóis conhecem funcionamento da ZFM e discutem ações turísticas

Espanhóis vêm conhecer o funcionamento da Zona Franca de Manaus (ZFM) e discutir ações para o incremento de negócios bilaterais, uma comitiva espanhola liderada pelo embaixador da Espanha no Brasil, Manuel de La Cámara Hermoso, visitou a SUFRAMA nesta sexta-feira (8).

A superintendente da autarquia, Rebecca Garcia, recebeu a comitiva que, além do embaixador, era composta pelo conselheiro da Agricultura, Alimentação e Meio Ambiente, Luis Benito; a conselheira de Economia e Comércio, Maria Amelia Guzmán Martinez-Valls; o conselheiro de Emprego e Seguridade Social, Pablo Figueroa Dorrego; e o gerente da companhia Tragsa-Brasil, Félix Díaz de Rada Santos.

Após ouvirem uma palestra sobre a história e as diretrizes do modelo ZFM, os espanhóis fizeram perguntas sobre logística e tiraram dúvidas sobre os incentivos fiscais, com ênfase nas vantagens de se estabelecer uma empresa em Manaus em relação a outros locais do Brasil. O embaixador Manuel de La Cámara Hermoso demonstrou interesse em trabalhar para que investimentos com capital espanhol sejam ampliados na Zona Franca de Manaus. “Saímos daqui com a convicção de que essa região é muito especial e que está claro que no meio da floresta tem um lugar cheio de grandes oportunidades”, frisou o diplomata.

Os conselheiros mencionaram ainda interesse em implantar em Manaus um hotel de selva e perguntaram se haveria alguma vantagem tributária para esse tipo de empreendimento. Os técnicos da SUFRAMA explicaram que, desde que seja para uso na atividade econômica, hotéis podem adquirir equipamentos e insumos com isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

 

A superintendente Rebecca Garcia ressaltou que parcerias com a Espanha, especialmente na área de turismo, seriam essenciais para o Amazonas, tendo em vista que o país europeu tem um fluxo de cerca de 70 milhões de turistas por ano. “Algumas ações, como a criação de um torneio de golfe e enfoque na pesca esportiva, podem contribuir para a implementação de parcerias nessa área”, disse Rebecca.

Texto: Enock Nascimento
Fotos Junha Januária

Mova Mais (interessante)

Algumas considerações sobre o Mova Mais (MM) que podem evitar você se desgastrar atoa. Veja, a ideia do MM é fazer as pessoas saírem do sedentarismo, você ganha pontos progressivamente o quanto mais se movimentar. mova mais pontosCada 30 minutos de exercício contínuo rende pontos diários, da seguinte forma:

Não adianta pedalar 600 km, ele conta 30 minutos de seu exercício como uma atividade que vale 20/40 pontos, conforme o seu combo.

Olha o que eles explicam:

“Quantos pontos eu ganho por km percorrido?
(PERGUNTAS FREQUENTES – FAQ MM)
O Mova Mais dá pontos por dia em que você faz a meta diária de atividade física, não por quilômetro percorrido. Fazemos isso para recompensar o hábito saudável de manter atividades frequentes. A meta diária inicial de 30 minutos foi estabelecida de acordo com parâmetros do CDC Americano e da Organização Mundial da Saúde. A quantidade de pontos por dia é variável.”

Veja a tabela:
mova mais

Você pode ganhar mais pontos convidando amigos. Mas pode convidar, valendo pontos, somente 10 amigos. Depois não conta mais. Afinal, o aplicativo não é para levar você se tornar um divulgador, mas sim para levá-lo a se movimentar com regularidade.

Para fazer isso clique no link que fica no canto direito superior da tela (fig abaixo). Lá você tem três opções, via facebook, via twitter ou seu link pessoal ( o meu é – http://movamais.com/?convite=m0pxw05dlI )

mova mais pontos b

Outra maneira de aumentar seus pontos é aproveitar as promoções:

Texto relacionado: (para entrar no Mova Mais)
https://carlosrix.wordpress.com/2016/02/24/mova-mais/

———————-

BLOG
Youtube
H2OBRASIL
Escola Internacional – Seja um Franqueado

Cruzeiro do saber e da criatividade

Livraria Cultura recebe o 1º Congresso Internacional de Economia Criativa

Encontro, que acontecerá no dia 31, conta com participação do Istituto Marangoni

anexos_checkurl.jpg?fd=0&tipoimg=web&newsid=278954&anexoid=588536&usuid=4729399&usu=carlos.rix%40gmail.com&log=0

O 1º Congresso Internacional de Economia Criativa (CIEC) tem sua abertura oficial marcada para o dia 31 de março (quinta-feira), às 9h, no teatro da Livraria Cultura do Conjunto Nacional, localizado na Avenida Paulista, São Paulo. Logo após o evento segue para alto mar a bordo do Chilli Beans Fashion Cruise 2016, com atividades programadas até 3 de abril. Neste primeiro dia, ainda em terra firme, as pessoas poderão acompanhar temas como Uma Nova Economia, Cidades Criativas, Fashion Marketing – "A Gestão Apoia a Criatividade" e um Tour de Livros dentro da Livraria.

A curadoria e direção do 1º Congresso Internacional de Economia Criativa tem direção de Carla Wolff, CEO da agência Dreamakers Travel Experiences & Fashion Tours, operadora oficial e idealizadora do Fashion Cruise. "Este grande encontro será uma ótima oportunidade para promover a capacidade que o mercado brasileiro possui de gerar novos negócios, além de ser um grande exercício para os participantes explorarem nossa criatividade e entender seu valor econômico", explica Carla Wolff.

Entre os palestrantes estão: Ana Carla Fonseca Reis, Doutora em Urbanismo pela USP, conferencista internacional em economia da cultura, economia criativa e cultura e desenvolvimento; Alberto Hiar, fundador das marcas Turco Loco e Cavalera; Alejandro Castañé, sócio-diretor e consultor sênior da Garimpo de Soluções; Beth Wada, coordenadora dos Programas de Pós-Graduação da Universidade Anhembi Morumbi; Dário Galiza, especialista em estratégia de marketing de moda do Istituto Marangoni em Milão, Itália; Jô Souza, coordenadora e professora de Pós Graduação e Consultora de Moda do Senac, Belas Artes, Escola Panamericana e IED; Dhora Costa, docente de graduação de Moda do Centro Universitário Belas Artes, Senac, Anhembi-Morumbi e Centro Universitário Belas Artes; além de Letícia Gonçalves, Mestre em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social.

Além da programação do CIEC, o Chilli Beans Fashion Cruise contará com, desfiles de grandes marcas do mercado nacional, inúmeras atrações musicais, batalha de artistas, festas, entre outras.

Confira a programação completa na lista abaixo:

31/03 – SÃO PAULO

Início do evento (Welcome + acomodação dos convidados + abertura)
Horário: 9h às 10h
Responsáveis: Jô Souza, Dhora Costa e Letícia Gonçalves

Mesa redonda l Tema: Uma Nova Economia
Horário: 10h às 10h45
Local: Auditório
Responsáveis: Ana Carla Fonseca e Alberto Hiar (Cavalera)

Mesa redonda l Tema: Cidades Criativas
Horário: 10h45 às 11h30
Local: Auditório
Responsáveis: Alejandro Castañé e Beth Wada

Intervalo: 11h30 às 13h

Curso Istituto Marangoni l Tema: Fashion Marketing – "A Gestão Apoia a Criatividade"
Horário: 13h às 16h
Local: Auditório
Responsável: Dário Galiza

Encerramento e Tour de Livros:
Responsáveis: Jô Souza, Dhora Costa e Letícia Gonçalves

01/04 – SANTOS

The Aft Lounge (deck 7)
Oficina de Customização (*atividade por ordem de chegada) com Maurício Araújo, Leticia Gonçalves e Leandro Dario

The Aft Lounge (deck 7)
Abertura do Congresso com Jô Souza, Dhora Costa

The Aft Lounge (deck 7)
Talk Show com Dudu Bertholini

Teatro The Strand (deck 6)
Fashion Campaigns com Filippo Piccardi (Istituto Marangoni Londres)

Teatro The Strand (deck 6)
Orientação dos grupos do workshop de Editorial de Moda do Istituto Marangoni com Andreia Meneguete, Leticia Gonçalves, Jô Souza e Ronaldo Grillo

02/04 – BÚZIOS

The Aft Lounge (deck 7)
Workshop Editorial de Moda – Grupo 1 com Filippo Piccardi (Istituto Marangoni Londres)

Graffiti (deck 15)
Workshop de estamparia com Camilla Bologna

La Prua Biano Par (deck 7)
Oficina de casting da Joy Model com Jocler Turmina, Fernando Hebert e Dhora Costa

Backstage (deck 7)
Encontro com ABEST (Associação Brasileira de Estilistas) e Facex Trade com Silvia Lima, Alba Ferrari e Cecilia Lima

The Aft Lounge (deck 7)
Workshop Editorial de Moda – Grupo 2 com Filippo Piccardi (Istituto Marangoni Londres)

Graffiti (deck 15)
Painel DJ Ban com Ban Schiavon e convidados

Graffiti (deck 15)
Oficina de Produção Musical

The Aft Lounge (deck 7)
Talk Show com Alexandre Herchcovitch

03/04 – ILHABELA

The Aft Lounge (deck 7)
Palestra Redes Sociais: Facebook e Instagram com Renato Carneiro e Carol Garcia

The Aft Lounge (deck 7)
Workshop de Facebook e Instagram para Pequenos Negócios com Gustavo Donda e Carol Garcia

Graffiti (deck 15)
Workshop de arte urbana com Mari Mats

The Aft Lounge (deck 7)
Educação em Moda com Katia Castilho e André Hidalgo

The Aft Lounge (deck 7)
Economia Criativa do Mercado Mundo Mix com Beto Lago, Thais Gusmão, Roberto Ethel e Maurício Araújo

Graffiti (deck 15)
Painel DJ Ban com Ban Schiavon e convidados

The Aft Lounge (deck 7)
O Sucesso do e-commerce com Paulo Conegero e Andreia Meneguete

The Aft Lounge (deck 7)
Oficina de DJ com Ban Schiavon

The Aft Lounge (deck 7)
Talk Show com Caito Maia

Teatro The Strand (deck 6)
Encerramento do evento com desfile de Herchcovitch;Alexandre

Teatro The Strand (deck 6)
Final dos concursos Summer Look e Fashion Film com Carla Wolff, Leca Calvi e Marina Dias

Para saber mais, acesse: http://chillibeansfashioncruise.com.br/congresso/

Informações à imprensa:
MktMix Assessoria de Comunicação
Tânia Otranto/ Balia Lebeis / Roberto Ethel
Coordenação: Luís Dolci
luisdolci
Atendimento: Ivan Carvalho
ivan
Tel: (11) 3060-3640 ramal 3647

Leite não, Inhame sim

 Suco, vitamina com Inhame?  Shake de Inhame?!

Descasque o Inhame
Descasque o Inhame

Descobri o Inhame quando tive dengue há alguns meses. Fui ao posto e fiz exame de sangue, deu “111 mil plaquetas”.

Na noite do mesmo dia comi Inhame, por recomendação de uma amiga, a Angela.

Santa Angela!

No dia seguinte fiz novo exame e o resultado foi 255 mil… O que bateu com o que sentia, mais energia para enfrentar a danada da dengue.

Virei fã do tal tubérculo, o Inhame.

————————————————-

Atualização em 30/03/2016 – o “leite” do Inhame ou cara, fica bom com frutas, com shakes e até mesmo puro. Gelado, é refrescante e leve. Estou usando no lugar do leite de vaca para fazer todo tipo de vitamina.

————————————————-

Hoje descobri uma forma nova de o consumir, uma delícia:

Inhame com Shake de Morango

Ingredientes:

Um pedaço generoso de Inhame
Gelo a gosto
água (dois copos +/-)
Shake sabor morango

.
Preparo:

Descasque o Inhame, pique e coloque no liquidificador com um copo de água, deixe bater bem. Acrescente duas colheres de Shake de morango, o gelo e bata, acrescente mais um copo de água, bata bem.

Pronto, fica gostoso. Bom, eu achei…

– O Inhame batido com água vira um “leite”, acredito que dá para fazer com outros sabores de Shake também. O melhor de tudo, você recebe todos os benefícios do Inhame, as vitaminas do Shake e evita tomar leite.

Veja para quantas coisas o Inhame serve:

Inhame-trandes

Fonte e mais dicas:
http://www.sodetox.com.br/suco-de-inhame-conheca-seus-beneficios-e-modos-de-preparar/

Veja nas fotos abaixo outro modo de preparar:

This slideshow requires JavaScript.

Atenção:

  • Esta receita deu certo para mim.
  • Recomendo, mas você precisa ver se não tem aversão ou alergia a qualquer dos ingredientes.
  • Em caso de dúvida consulte um nutrólogo ou nutricionista

Lula – o Mundo vê

Brasil: Lula envolvido em escândalo de corrupção, entra para governo Rousseff…​http://www.lemonde.fr/

 

http://edition.cnn.com/2016/03/11/americas/former-brazil-president-lula-investigation/index.html

image5
image5

http://www.nytimes.com/2016/03/17/world/americas/brazil-ex-president-luiz-inacio-lula-da-silva.html?ref=world&_r=0

http://www.clarin.com/mundo/Lula-caminos-Grecia-Tsipras_0_1541246200.html

http://www.diariodemexico.com.mx/dilma-rousseff-le-da-la-mano-lula-da-silva-nuevo-secretario-gobierno/

http://www.smh.com.au/world/former-brazilian-president-lula-returns-to-governments-top-echelon-20160316-gnkyaj.html

dw-welle.JPG

http://www.dw.com/pt/not%C3%ADcias/s-7111

 

Mova Mais, viva mais

​Já vi muitos aplicativos prometendo trocar atividade física por pontos, prêmios, etc. Nenhum deles era realmente prático. A primeira revolução do Mova Mais é você se cadastrar, marcar o sistema que usa para registrar suas atividades e colocar o Mova Mais para conversar com o aplicativo de sua preferencia, fácil. Ou seja, coloco meu Strava para funcionar e vou fazer meu pedal, o Strava conversa com o Mova Mais e passa os dados para que eu receba os pontos. Um único aplicativo rodando com duas funções, isso é ecológico, economiza bateria.

Não perca tempo cadastre-se já: Mova Mais

Em uma semana e meia já fiz mais de 300 pontos


O que dá para fazer com os pontos, é uma boa pergunta.
De acordo com o site “Um usuário ativo pode ganhar mais de 15 mil pontos Mova Mais por ano… …Nosso objetivo é que você use estes pontos conquistados com exercícios para facilitar o resgate de vôos, diárias em hotel, eletrônicos e muitos outros benefícios valiosos para você. Nossa primeira parceria de troca de pontos é com Multiplus, onde cada 10 pontos Mova Mais equivalem a 1 ponto Multiplus.”

Bom, de fato, o mais importante é que você está se mantendo ativo e lucrando com isso é mais uma boa recompensa. O primeiro parceiro da MM, o Multiplus, oferece mais de 550 mil opções de produtos e serviços para trocar pelos seus pontos. É possível fazer a conversão a partir de 3.000 pontos ajuntados.

Em uma semana e meia fiz 340 pontos, se me aplicar um pouco mais, a cada dois meses e meio poderei fazer um resgate de 3000.

Vou testar, é fácil de usar, não custa nada. Em três meses volto para terminar esse post, contar para você o que rolou, ok?

Gostou da dica, entre no Mova Mais com meu link, ok?
http://movamais.com/?convite=m0pxw05dlI

Mais dicas: https://carlosrix.wordpress.com/2016/03/31/movamais-interessante/